segunda-feira, 12 de dezembro de 2016

O valor do dia de hoje




 Leia mais, sente na varanda e admire a paisagem sem se importar com as tempestades.

 Use suas taças de cristal, não guarde seu melhor perfume, é bom usá-lo cada vez que sentir vontade. 

 Passe mais tempo com sua família e com seus amigos, coma sua comida preferida, visite os lugares que ama.

 A vida é uma sucessão de momentos para serem desfrutados, não apenas para sobreviver.
 

quinta-feira, 1 de dezembro de 2016

Recadinhos bem humorados de Deus para nós


Eu louvo a Dança - Santo Agostinho

   Eu louvo a dança, pois ela liberta o ser humano
do peso das coisas - une o solitário à comunidade.       
Eu louvo a dança, que tudo pede e
tudo promove; saúde, mente clara 
e uma alma alada.
Dança é a transformação do espaço, do tempo e do ser humano, este constantemente em perigo de fragmentar-se, tornando-se somente cérebro, vontade ou sofrimento.
A dança, ao contrário, pede o homem inteiro,
ancorado no seu centro.
A dança pede o homem liberto, vibrando
em equiíbrio com todas as forças!
Eu louvo a dança!
Ser humano, aprenda a dançar!
Senão os anjos do céu não saberão o que fazer de você.


A verdadeira cura


Tempo de sol


É tempo de ver o sol, ainda que seja noite,
pois sabemos "racionalmente", que o sol não sumiu,
apenas se escondeu para que a lua se exiba no céu.

Então, deixar-se aquecer pela certeza de que a felicidade não sumiu,
apenas deu um tempo para que a tristeza se exibisse,
mostrasse para você que o melhor de tudo é ser feliz,
e que se perdeu um amor, não perdeu a capacidade de amar,
se perdeu um dente, a boca ainda está no lugar,
se perdeu um emprego, a experiência ainda está lá,
se perdeu um parente, outro ficou para cuidar,
se perdeu um sonho, esta noite foi feita para sonhar.

Não se perca de você, este sim, é difícil de achar.
O resto é manter a chama do amor acesa,
pois somos essencialmente feitos de amor,
tudo em nós é música suave, é poesia e calor,
nós é que nos escondemos, nos assustamos, esfriamos.





É tempo de acender tochas amorosas em nós mesmos,
espalhar o amor como semente generosa,
e confiar que no tempo certo, colheremos,
cestos e cestos de flores perfumadas,
perfume de muito valor,
o perfume do amor.
(Paulo Roberto Gaefke)

"O Sentido da Vida" - Bradley Trevor


"Sem o Amor, eu nada seria..."

"Ainda que eu falasse a língua dos anjos e dos homens,
e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como            
o címbalo que retine.
E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse 
todos os mistérios
e toda a ciência, e ainda que tivesse

 toda fé,
de maneira tal que transportasse os montes,
e não tivesse amor, nada seria.

I Corintios 13:

Flor de Lótus - superação