domingo, 6 de maio de 2012

A gente não faz amigos, reconhece-os." (Vinícius de Moraes)


"Tenho amigos que não sabem o
quanto são meus amigos.
Não percebem o amor que lhes
devoto e a absoluta
necessidade que tenho deles.
cid:2510E73A27A8458DA5CC8AB3B8E862B1@192168048
cid:0A832DD839BA42A787B9FAC0860703DA@192168048

 Eles não tem
noção de como me são necessários,
de como são indispensáveis
ao meu equilíbrio vital,
porque eles fazem parte
do mundo que eu, tremulamente,
construí e se tornaram alicerces do
meu encanto pela vida.


Se alguma coisa me consome
e me envelhece é que a
roda furiosa da vida não me permite
ter sempre ao meu lado, morando
comigo, andando comigo,
falando comigo, vivendo comigo,
todos os meus amigos, e,
principalmente os que só desconfiam
ou talvez nunca vão saber
que são meus amigos!"



Nenhum comentário:

Postar um comentário