domingo, 20 de março de 2011

Quero apenas que te outonize com paciência e doçura.

O dardo de luz fere menos, a chuva dá às frutas seu definitivo sabor.
As folhas caem, é certo, e os cabelos também, mas há alguma coisa
de gracioso em tudo isso: parábolas, ritmos, tons suaves...
Outoniza-se com dignidade.
(Carlos Drummond de Andrade)






Nenhum comentário:

Postar um comentário