sábado, 22 de maio de 2010

A ostra e a pérola / o ouro e a madeira



O Ouro e a Madeira

O ouro afunda no mar (no mar),
Madeira fica por cima(por cima),
A ostra nasce do lodo (do lodo),
Gerando pérola fina (bis)
Não queria ser o mar, me bastava a fonte.
Não queria ser a rosa, simplesmente o espinho.
Não queria ser caminho, porém o atalho.
Não queria ser a chuva, apenas o orvalho.
Não queria ser o dia, só a alvorada.
Não queria ser o campo, me bastava o grão.
Não queria ser o tempo, porém o momento.
Não queria ser conserto, apenas a canção.
O ouro afunda no mar (no mar),
Madeira fica por cima (po cima),
A ostra nasce do lodo (do lodo),
Gerando pérola fina.

Nenhum comentário:

Postar um comentário